quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Escandaleira a Bordo de um Navio Escola no País da Madame Merkel



Prenda que o Virgilio não gostava de ter em dia de aniversário
                          riodouroniassa.blogspot.com

ESCÂNDALO A BORDO = ABUSO EM NAVIO ESCOLA DE CADETES DA MARINHA ALEMÃ
Praxes humilhantes no `Gorck Fock´ envolto em polémica após a morte de duas cadetes.
Cadetes da Marinha Alemã foram sujeitas a continuadas e humilhantes praxes a bordo do navio escola `Gorch Fock´.
Os abusos que levaram já a suspensão do comandante Norbert Shatz, foram confirmados pelo deputado Hellmut Koninghans, que fala em  "práticas detestáveis" no navio, incluindo assédio sexual.
As praxes a bordo do navio a que a imprensa chama de " bordel flutuante" foram praticadas por oficiais bêbados e incluindo rituais de `baptismo´ dos recrutas, que eram foçados, entre outras coisas a tomar banho em vómito. Além disso, tinham de arrastar-se de joelhos, até um oficial e beijar-lhe os pés.
O escândalo veio a público após a morte de uma cadete de 25 anos, em Novembro. A jovem terá sido forçada pelos superiores a subir ao cordade do navio, tendo escorregado e caído de uma altura de 27 metros. Outra jovem morreu após cair à agua, havendo suspeitas de abuso sexual.
transcrevo com a devida vênia C.M. 27-01-2011

4 comentários:

TINTINAINE disse...

Uma coisa destas parece impossível nos dias que correm!
Que mundo este em que vivemos!

António Querido disse...

E quer esta Madame "MERDA" ou Merkel dar o exemplo e mandar na Europa!

edumanes disse...

Para ser sincero não confio muito nos alemães, e então quando tenho conhecimento de atrocidades como a referida.
Fico desde logo a pensar que eles, ainda, não esqueceram o tempo, em que o Hitler, governou a Alemanha, e os horrores,que por ele e a mando dele outros cometeram.
Será que têm saudades desse tempo? Não o creio, no entanto, o mundo parece estar virado do avesso?

Fuzo de agua doce disse...

De facto não era uma prenda agradável, mas essa das praxes, também por cá já houve broncas bastantes para se acabar com essas parvoíces, não me refiro só aos Militares nas em especial nas Escolas.
Um abraço
Virgilio