domingo, 8 de maio de 2011

Prevenir, Preparar, Lutar, Acreditar e Vencer = A Vida é importante demais para que não a aproveitemos

ULTRAPASSADO MAIS UM OBSTÁCULO
gadata2011.blogspot.com
Quando se perde a personalidade, perdemos muito de nós,mas quando perdemos a coragem perdemos tudo.
Perante mais de três dezenas de pessoas e durante mais de duas horas foram abordados exemplos importantíssimos seja por ex-bebedores e por bebedores que bebem apenas o  aconselhado e desejável.
Os antigos bebedores tratados e Monitores sabem que o álcool quando bebida regardamente não trá mal nenhum áqueles que não lhes é conhecido qualquer tipo de provocado pelo mesmo. Pois muitos nem o devem cheirar, quanto mais ingeri-lo.
Nada nos move contra os produtores responsáveis por produzirem bebidas de qualidade.
Neste sábado estiveram presentes, associações personalidades e  entidades públicas.
Durou cerca de duas horas e na qual foram abordados assuntos importantíssimos no que respeita ao papel que cabe desempenhar pelas associões de antigos bebedores e o apoio da população e das entidades oficiais.
Foi com forte senbilização e motivação que todos os presentes deram um  contributo que foi muito para lá das previsões mais óptimistas.
Os Orgão Sociais da GADATA  sentiram-se no final imensamente felizes pela forma calorosa como decorreu toda a sessão.
Ficou novo encontro marcado para Agosto se tudo se processar com normalidade e um dos seus Directores completar os 25 anos de abstinência.
A todos quantos estiveram presentes e aqueles que de uma ou outra forma nos demonstraram o seu apoio o nosso
Bem Hajam
A Direcção da GADATA = Grupo de Apoio a Doentes Alcoólicos Tratados e Abstinentes.

3 comentários:

edumanes disse...

É verdade amigo Valdemar, tudo do que falas neste teu artigo. Faz sempre sentido viver. Mas não devemos esquecer, de lutar para vencer. Nunca deixar que o vício nos domine. Para que possamos ser e fazer as pessoas, nossas mais queridas, felizes.
Desejo-te excelente fim de semana.
Um abraço
Eduardo.

António Querido disse...

Parabéns Valdemar, coragem e força de vontade, que nunca te falte, isso mostra a grandeza do coração humano, tenho aqui um vizinho, jovem, ronda os 30 anos, e dá-me pena vê-lo logo de manhã a cambalear no passeio, é educado, cumprimenta toda a gente, já esteve casado, mas a mulher deixou-o, boas famílias mas é assim, o álcool destrói como bem sabes, penso que já foi ajudado pelos pais mas voltou ao mesmo.
Um Abraço

Fuzo de agua doce disse...

É pena que as Entidades Oficias não se empenhem neste flagelo, digo não se empenhem porque tenho duvidas se farão mesmo alguma coisa para o combater, estou mesmo convencido que se não fossem as Associações como aquela que fazes parte, isto estaria entregue á bicharada como se costuma dizer, é que praticamente todas as semanas vou a Lisboa, e passo por locais onde me cruzo com alguns sem abrigo, Homens e Mulheres, e já os reconheço, ora se houvesse alguma Entidade Oficial que olhasse para estes casos, com certeza já teria tomado alguma previdência, pois é Gente nova e não faz sentido dá-los como perdidos para a Sociedade.
Um abraço, e força para continuares a ajudar quem necessita.
Virgílio