sábado, 4 de dezembro de 2010

Amores que perduram= Rio Douro, Cancelos/Sebolido = Penafiel


O MEU RECONHECIMENTO
marinheirododouro.blogspot.com


Vejam como o rapaz está bem apresentado
 no blogue=
alcool-basta.blogspot.com 

Mostra Associativa = Expo FREGUESIAS = 26,  27 & 28 de NOV Parque das Feiras Penafiel.


  Fui no passado fim de semana  convidado pelo Senhor Presidente da Junta de Freguesia de Sebolido, Jovem Advogado, Doutor Manuel Correira de Santos para  participar e colaborar no Evento a cima referênciado.
Foi para mim uma honra enorme ter podido estar presente com os Barcos que foram feitos pelo meu Pai já em fase terminal do segundo cancro. Ter ainda levado a Chumbeira feita por ele, e que com ela, muitas vezes pescou  peixe no Douro , o mesmo com um Pardelho e uma Mujeira preparada e entralhada por mim. (Também muito peixe apanhei com todas estas redes). Pedras e rede de Sável e Lampreia.
Tambérm com uma Nassa feito de Vergas de Vime,  a qual não só foi feita pelo meu Pai, como ainda caçou vários Passaros (Melros Inclusivé).
    Tive a honra de preparar um mini livro, onde nele se pode lêr como se faziam e preparavam as redes, os Barcos Valboeiros e Rabões e artigos escritos do meu conterrâneo e filho da Escola : - Manuel Araújo Cunha e ainda um importante comentário do conterrâneo e comentador deste blogue PIKÓ .
 Ainda agradecer a cedência que me fizeram o Amigo Abílio Vinagreiro com um Barco e Colmeias e Mel feitas e produzido por Si e um Feito pelo seu Pai (já falecido) António Vinagreiro e ao meu Amigo Virgilio Pinto pelas Facas, podão (foice pequena de abrir o Porco e facas para o matar e desmanchar, feitas por si, sem que as mesmas tivessem ído à Forja.
Cancelos/Sebolido e suas gentes pode ombrear com as restantes 37 freguesias presentes do Concelho de Penafiel.


5 comentários:

Valdemar disse...

Como em Lisboa só há cacilheiros não entendo muito bem, mas pelo que vejo na foto é mais que evidente que és o Patrão da lancha.
Valdemar Alves

TINTINAINE disse...

A mim fez-me lembrar aquela anedota do barco japonês com 18 remadores e um chefe, em contraponto com o barco português que tinha 1 remador e 18 chefes e ninguém percebia como os japoneses ganhavam todas as corridas.

eduardo maria nunes disse...

Já deste muito do teu contributo,
Para o desenvolvimento deste país,
Bom português, cidadão absoluto,
por tudo isso deves estar muito feliz.

Fuzo de agua doce disse...

Grande Valdemar, és um Homem cheio de energia e boa disposição, e que vais a todas.
Que a saúde não te falte e a boa disposição se mantenha, para continuares assim, por muitos e bons anos.
Um abraço
Virgílio

António Páscoa disse...

Preservar utensílios que foram de seu PAI, e orgulhar-se do seu passado, só pode estar num grande coração de bom filho,tu és grande VALDEMAR e tens muito para dar MEU AMIGO!