domingo, 14 de março de 2010

Nampula = Fui Feliz Aqui

Metangula e Lago não tenham ciúmes!!!!.....


Nunca Poderemos  Esquecer Dois Anos Maravilhosos
     Em 26 de Abril de 1956, a Vila de Nampula é elevada à categoria de cidade, com a denominação cidade de Nampula.
     Durante a Guerra Colonial, a cidade de Nampula funcionou como centro  importante de todas aas operações militares do Exército Português, tendo durante essesw periodo, que decorreu entre 1964 a 1974, criado grandes infraestruturas militares
   Também estruturadas que actualmente ali funciona a Academia Militar de Moçambique.

   Mas a Provincia de Nampula, é também a provincia que mais cidades possui-quatro ao todo, a saber  Angoche, Ilha de Moçambique ,Nacala, e a própria Nampula.
 Sendo a Ilha de Moçambique Património da Unesco e Nacala, onde possui o maior porto natural de África e que serve vizinos como por exemplo Malawi, a Zâmbia e o próprio Zaire, sendo que é ali que começa ou acaba o Caminho de Ferro que atravessa toda a Cidade de Nampula ultrapassando como acima foi citado as fronteiras nacionais.
     De Nampula e do tempo que lá vivi e as deslocações em passeio que fazia em   fins de semana a essas duas cidades de Nacala e Ilha e depois quando lá voltei para a Independência falarei posteriormente.
     É pretensão minha que quem por lá passou  possa fazer uma viagem pela memória e, recordar aquela maravilhosa terra  e homenagear as Gentes Nampulenses,naturais ou residentes, que para lá tenham ido viver.  Independentemente das cores credos religiões ou raças.

2 comentários:

TINTINAINE disse...

Já viste a mensagem chegada de Paris, do filho da minha escola Filipe Cruz, que publiquei do blog «Escola de Fuzileiros»?
Como podes ver, ele também passou uns tempos em Nampula. Não sei se vocês se cruzaram por lá alguma vez!

Anónimo disse...

Amigo Valdemar:
Ao revisitares espiritualmente Nampula, o Lago, a Ilha de Moçambique, Metangula e tudo o mais que faz parte desse belo país do Indico, estás de algum modo a reconfortar-te com uma grande VOLTA ao PASSADO, que ajudará ainda a quem não conhece, poder apreciar o que há de belo em todos os países, a começar pelas pessoas, no caso os habitantes de Nampula!
Por mim estou a gostar, até porque também me sinto ligado a África, pelos trabalhos que ajudei a realizar durante dois anos em Angola ao serviço da Engenharia...
Força pelo bom trabalho que vens desenvolvendo!

PIKO