terça-feira, 24 de agosto de 2010

Um Presidente Como Nós = Fernando Nobre

"Deixei claro que não quero receber donativos nem de empresas nem de partidos"
     No que me diz respeito, em nome  de uma coerência e dignidade própria, tendo em conta o imperativo de consciência, moral e de cidadania que me levou a erguer há seis meses , a minha candidatura é para ir até ao fim.
Eu vou até ao fim para unir os cidadãos.
Estamos perante desafios de tal modo graves para a sociedade portuguesa que os cidadãos  têm de saber que têm por fim um cidadão como eles para ir até ao fim e para defender os seus verdadeiros interesses.
     Deixei claro desde que me candidatei que a minha fundação não intervinha, e não interveio, e tive de percorrer o país mobilizando voluntariado em todos os distritos.
     Hoje tenho núcleos distritais e concelhios e cerca de dois mil voluntários activos, que já recolheram cerca de onze mil assinaturas - eu quero quinze mil.

5 comentários:

TINTINAINE disse...

Se passar aqui pela Vila Euracini dou-lhe a minha também. Ficam a faltar apenas 3.999.

ANTÓNIO PÁSCOA QUERIDO disse...

Passem-me o papel, que eu meto lá as assinaturas que faltam!

Piko disse...

Bem, este homem tem um passado que fala por si!
Começa logo pelos princípios e pela ética de que nunca abdicou ao longo de toda a vida, numa entrega aos outros nos países mais pobres do mundo!
Mesmo no plano interno tenho grandes dúvidas que haja um homem ou uma mulher com tamanha grandeza de carácter! Por aí, nem Cavaco nem Alegre lá chegavam, mas acontece que fora do sistema partidário, que é o vigente no nosso país, não vai ter condições para ganhar! Na melhor das hipóteses irá ficar no 3º lugar que no desporto ainda é um lugar que dá para ir ao pódio...
Naturalmente, que Fernando Nobre terá algo na sua mira, e, aproveitará todos os tempos de antena para com a sua calma e sabedoria contribuir para que os portugueses interiorizem, que terão de se esforçar em perceber que esta cidadania vai muito mal há décadas e que ainda se estará a tempo de mudar de rumo...
Acho que a sua mensagem andará por aí, e, nós, como sempre, vamos acompanhar e tentar aprender um bocadinho mais.
Se passarem por Ovar, terei muito gosto em assinar o meu nome, num acto cívico que não devemos ignorar.
PIKÓ

Anónimo disse...

Não só lhe daria a minha assinatura,como lhe vou dar o meu voto, e olhem que este voto não me sai barato, pois tenho que andar 150 quilómetros para exercer esse direito, mas pelo que tenho conhecimento, é de toda a justiça que o faça,embora como diz o Amigo Piko, não tenha grande duvida sobre a sua não vitória, isto está contaminado á partida, com os «democráticos» órgãos de informação a ajudar á festa,na companhia dos candidatos do regime.
Um abraço
Virgílio Miranda

Valdemar disse...

Não há vencedores antecipados e até ao lavar dos cestos é vindima.
Uma vitória está assegurada:
-Jamais a história deixará que se apague este rude golpe no sistema dos senhores que se consideram donos desta que julgavamam e julgam ser coutada sua.
Muito se nos seguirão e se Roma e Pavia não se fizeram num dia, depois desta assumida e responsavel Candidatura nem todos os caminhos viciados vão dar a Roma. Uma certeza nos fica desde já: esta Candidatura vai às Urnas e a vitória da dignidade já triunfou.
Há sempre alguém que resiste.
Fernando Nobre é um cidadão com provas dadas e de conduta irrepreensivel.