sexta-feira, 23 de julho de 2010

Cortina de Fumo. Do Economista Relativo. É mesmo só Fumaça

Amor com Amor se Paga (Lealdaldade) = Blogue = marinheirododouro.blogspot.com

O P.S.D. é o maior aliado do P.S.
E não só a dançar o Tango.
      Com o País em cacos, o Economista Relativo que lidera os Sociais - Democratas atira atira para a opinião pública, com um tema muito oportuno.
     Nada mais, nada menos do que a Revisão Constitucional.
     Com alterações aos poderes presidenciais, uma espécie de regresso ao passado, e a criação de um extraordinário Conselho da República constituído por respeitáveis anciões do regime.
     É evidente que o objectivo é só um. Tentar lançar uma imensa cortina de fumo sobre o seu oportunismo.
     Atira-se como o gato ao bofe ao Governo do Engenheiro Relativo, mas não apresenta uma moção de censura.
     Na hora da verdade quando os portugueses forem ás urnas, talvez o tiro lhe saia pela culatra.
      A cobardia na Política nem sempre compensa.

2 comentários:

TINTINAINE disse...

Eles são os «Teddy Boys» da nossa política. Lutam por um lugar ao sol e é mais que certo que o vão conseguir. Neste país de brandos costumes é assim que as coisas se passam.

Piko disse...

Em certa medida será uma cortina de fumo, sim senhor!
Lança-se umas fumaças, artificiais, claro e como que por magia surge por detrás de toda a fumarada o novo, o impoluto, o mágico, o verdadeiro artista, este sim, com novas roupagens e agora sem o acompanhante que o lançara - o industrial Ângelo Correia - que faz precisamente o inverso, desaparece por trás das fumaradas todas, como que a dizer que o seu papel terminara, mal o mágico vingara devido à sua astuta teimosia...
Como é evidente, mesmo que eu não vá resolver nada, cai bem apontar para aqui e para ali, mesmo que seja para despistar e criar nas hostes a ilusão ou ilusões de que agora é que vai ser...
No fundo, bem lá no fundo,o homem não aparece para resolver e se nos recordarmos ainda há muito poucos meses, todo o PPD/PSD estava unido para não aceitar como comandante o dito cujo!
É no mínimo estranho, que de repente todo o aparelho descobrisse que estava ali um DIAMANTE... Ou será que esgotaram o stoch, a partir do momento que o prof. MARTELO bateu com a porta?
Algum português minimamente conhecedor e atento, mas que seja honesto, acredita que os problemas deste país se resolvem mudando 2/3 da Constituição? Uma Constituição que foi considerada a melhor da Europa, que já sofreu 6 revisões, feitas a bel-prazer por estes iluminados do PPD/PSD e do PS, para ficar ainda melhor, segundo eles, mas que continua tão mal que querem alterá-la em cerca de 2/3...
Em todas as idades dizem os entendidos que faz bem rir e brincar, mas no mínimo deve-se saber escolher as brincadeiras e os brincalhões!
Uma pergunta muito simples:- Porque razão o snr. mágico que quer chegar a 1º ministro não vem propôr que se acabe de vez com as empresas do estado e camarárias ( mais de 400) onde arranjaram tachos bem remunerados aos amigos e afilhados e com vencimentos altíssimos?
Porque razão não acabam com os tachos de governadores civis (uma vergonha), sabendo todos os portugueses que são orgãos do antigo regime, que não são eleitos democraticamente e onde vão parar as clientelas políticas daqueles dois partidos, causando ao país despesas de milhões de euros?!
Pergunte-se ao mágico, ou será que têm saudades da CONSTITUIÇÃO de 1933?... Alguém avise o homem que os olhos dos que andaram descalço nos anos quarenta e cinquenta, estão agora, felizmente mais abertos, se quer saber...
PIKÓ